quarta-feira, 31 de julho de 2013

Resultado da I Travessia de Noronha

Um click antes da largada. Foto: Marcelo Loureiro/Acervo Pessoal
A festa foi no mar, neste sábado (27), foi realizada a Primeira Travessia Marítima de Fernando de Noronha. A  prova teve percurso de  dois mil e quinhentos metros de natação e contou com 64 atletas cheios de fôlego. Logo cedo os nadadores reuniram-se na Praia do Porto de Santo Antônio.  A galera de Noronha também estava pronta para mergulhar de cabeça, ao todo 15 moradores se inscreveram na competição, entre eles a equipe “Coração Valente”, incentivada pelo corredor Renê Jerônimo, de 73 anos de idade.
Atletas visitantes, e até turistas que souberam da travessia, resolveram encarar o confronto, 49 competidores eram de foram da ilha. Teve nadador do Recife, capital pernambucana , e ainda gente de outros estados: Rio Grande do Norte, Ceará, Santa Catarina, Rio de Janeiro e Brasília. A prova contou um grupo de segurança reforçado, militares do  Corpo de Bombeiros, profissionais do Hospital São Lucas , Polícia Militar e até o pessoal da Associação de Surfe de Noronha, que dava apoio para casos de emergência, mas não aconteceu nenhum problema. Os competidores estavam com o chip no tornozelo para registrar o tempo de prova.
Logo que foi dado o sinal de largada, os competidores seguiram as boias de marcação em direção a Praia da Conceição. O dia de sol e o mar calmo ajudaram muito.
Largada da prova. Foto: Marcelo Loureiro/Acervo Pessoal
CAMPEÕES DA PROVA
FEMININO
Campeã Geral Carolina Gomes (Pernambuco) 35m48s (*)
Vice-Campeã "Resultado ainda não divulgado nos sites"
3º Lugar Geral Alessandra Sanches (Academia Hedla Lopes)  "Tempo não encontrado nos sites"
4º Lugar Geral "Resultado ainda não divulgado nos sites" 
5º Lugar Geral "Resultado ainda não divulgado nos sites"
Renata Cattony (Academia Hedla Lopes) "Resultado ainda não divulgado nos sites"  
(*) Fez o melhor tempo entre homens e mulheres, os mesmo largaram simultaneamente.
Maria Carolina Gomes venceu até os marmanjos da prova, ela que no dia 22 de junho foi a vice-campeã na Travessia de Pipa em Tibáu do Sul -RN. Foto: Marcelo Loureiro/Acervo Pessoal
 MASCULINO
Campeão Geral Renato Takeyana (São Paulo) 36M04s
Vice-Campeão "Resultado ainda não divulgado nos sites"
3º  Lugar Geral Mário Moreira (Academia Hedla Lopes) "Tempo não encontrado nos sites"
4º Lugar Geral "Resultado ainda não divulgado nos sites" 
5º Lugar Geral Edvan Soares (Academia Hedla Lopes) "Tempo não encontrado nos sites"
Daniel Cruz (Academia Hedla Lopes) "Resultado ainda não divulgado nos sites" 
Assis Bezerra (Meninos e Meninas do Mar) "Resultado ainda não divulgado nos sites" 

MORADORES DA ILHA
FEMININO
Campeã Thânia Brito 57m14s

MASCULINO
Campeão Marcelo Dezan 47m54s
Cearenses na prova, da esquerda para á direita de quem olha para a foto: Assis Bezerra, Renata cattony, Alessandra Sanches, Edvan Soares, Daniel Cruz e Mário Moreira. Foto: Fernando Cattony/Acervo Pessoal
Alegria alegria para quem participou desta festa no paraíso de Noronha. Foto: Marcelo Loureiro/Acervo Pessoal

Fonte: globo.com

NOTA DO BLOG: Simplesmente fantástico uma prova de Natação em Águas Abertas na Ilha de Fernando de Noronha, quem conhece Noronha sabe a vibe que rola assim que você pisa na ilha, só indo para saber... Nós do Clube Águas Abertas damos os parabéns para os promotores e organizadores do evento, deixando apenas uma sugestão, que na próxima prova coloquem premiação por categorias. 
É isso aí galera, somos o país campeão das Maratonas Aquáticas no mundial de Barcelona #toiss
Big Aloha especial para os cearenses que participaram da prova e os que foram acompanhar e torcer pelos irmãos da terra.

terça-feira, 30 de julho de 2013

SEGUNDA ETAPA DO CEARENSE DE MA

Cartaz do evento
FICHA DE INSCRIÇÃO E DEMAIS INFORMAÇÕES, CLIQUE NO LINK ABAIXO: 
http://www.k1sports.com.br/maratonasaquaticas/ 
Mapa dos 5K

Mapa dos 3.200m
Mapa do 1K

segunda-feira, 29 de julho de 2013

IRONMAN DO SUP - Molokai to Oahu 2013

O supista profissional havaiano Connor Baxter
Nem Connor Baxter, nem Kai Lenny. O campeão da Molokai to Oahu 2013 é australiano: Travis Grant, que após permanacer na terceira colocação boa parte da prova, adotou uma estratégia diferente à dos havaianos, seguindo ao norte do canal em direção à linha de chegada, enquabto Baxter e Lenny, apostaram no sul. No final, Travis finalizou os cerca de 52Km com o tempo de 4h50m17, cerca de dez minutos à frente do segundo colocado - outra surpresa - o havaiano Scott Gamble, deixando Connor na terceira colocação e Kai na quarta.
Brasil na M2O
Luiz Carlos Guida, o "Animal", fez bonito e foi o sexto colocado geral e quarto em sua divisão (SUP Unlimited até 29 anos). Vinnicius Martins também teve uma participação brilhante terminando a prova na décima terceira colocação geral e nono em sua divisão (SUP Unlimited até 29 anos), sendo essa sua primeira participação na M2O.
No feminino, a brasileira Andrea Moller, bicampeã da M2O e uma das grandes favoritas, chegou na quarta colocação após brigar contra a havaiana Jenny Kalmbach e a australiana Terrence Black durante quase toda a prova, alternando posições. No final, porém, a alemã Sonni Honscheid que vinha um pouco mais atrás, surpreendeu e conseguiu ultrapassar Andrea, ficando na terceira colocação. Jenny Kalmbach ficou com a segunda colocação e Terrence Black foi a grande campeã.
Tradicional ritual havaiano antes da largada
Supistas treinando downwind
Travessia Molokai para a Oahu cerca de 52km
Supista competindo na prova deste ano
Luiz Guida "conhecido como Animal" na prova deste ano
Técnica do downwind onde o supista faz conexões de uma ondulação para outra
 RESULTADOS EXTRA-OFICIAIS - GERAL
1º Travis Grant (4:50:17)
2º Scott Gamble (5:00:53)
3º Connor Baxter (5:02:02)
4º Kai Lenny (5:07:57)
5º Kaeo Abbey (5:11:48)
6º Luiz Guida (5:17:29) 
7ºTravis Baptiste (5:22:59) 
8º Eric Terrien (5:24:36)
9º Kody Kerbx (5:26:21) 
10º Mo Freitas (5:27:43)
13º Vinnicius Martins (5:34:14)
15º Livio Menelau (5:39:32)
33º Gustavo "Ratones" (6:17:23)
41º Bob de Araujo (6:46:09)

RESULTADOS EXTRA-OFICIAIS TOP 4 FEMININO
1ªTerrene Black (5:40:40)
2ªJenny Kalmbach (5:45:22)
3ªSonni Honscheid (5:52:07)
4ªAndrea Moller (5:52:24)
Fonte: site SupClub Brasil

Confira o vídeo de 2013

quarta-feira, 24 de julho de 2013

Maratonas aquáticas - Campeãs brasileiras.


Parabéns!
Poliana Okimoto, Campeã Mundial 10km e Prata nos 5km.
Ana Marcela, Prata nos 10km e Bronze nos 5km.

terça-feira, 23 de julho de 2013

INÉDITO DOBRADINHA DO BRASIL NO MUNDIAL

Fazendo história!
Numa prova fantástica, alucinante, foi a mais emocionante prova que assisti na minha vida, realmente foi sensacional ver nossa dupla feminina fazendo dobradinha nos 10km do mundial dos esportes aquáticos da FINA realizado em Barcelona-Espanha hoje pela manhã.
Resultado
POLIANA OKIMOTO (30 anos) OURO com 1h58m19s2 
ANA MARCELA (21 anos) PRATA com 1h58m19s5 
Angela Maurer (38 anos) da alemanha foi bronze com 1h58m20s2
Recordar é viver
Em 2006 tivemos a honra e o prazer de promover uma etapa do brasileiro de maratonas aquáticas de 5km, onde tivemos em primeiro lugar essa mulher de ouro Poliana Okimoto vencendo nas águas da praia do Naútico. 

A mulher de ouro Poliana Okimoto como você nunca viu

Ana Marcela já contabiliza duas medalhas nesse mundial, bronze nos 5k e agora prata nos 10k e ela ainda vai disputar os 25k na qual é a atual campeã mundial

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Spyridon Gianniotis sagrou-se bimundial dos 10K

A prova masculina dos 10K do mundial de Barcelona aconteceu agora à pouco e teve uma disputa emocionante no final a vitória ficou mesmo com o fantástico grego Spyridon Gianniotis cravando 1h49m11s8 que sagrou-se bi-campeão mundial desta prova, o mesmo havia vencido em Xangai-China em 2011, em segundo chegou alemão Thomas Lurz com  o 1h51m18s5 com e fechando o pódio   com o tunisiano Oussama Melloulli que fez 1h57m15s2.
O brasileiro mais bem colocado foi  Allan do Carmo  que fez um ótimo tempo 1h49m26s2 mostrando que está no caminho certo na sua preparação para as olimpíadas de 2016   o outro brasileiro foi Diogo Villarinho que nadou entre os cinco primeiros até os 8km, mas não segurou o ritmo forte e chegou no pelotão de trás da prova na 52ª colocação fazendo 1h53m20s2.
Allan do Carmo
Diogo Villarinho

sábado, 20 de julho de 2013

Samuel de Bona teve ótimo resultado

Tivemos dois representantes na prova dos 5k masculino do  mundial de Barcelona nesta manhã,  os mesmos não subiram no pódio, mas tivemos um ótimo resultado, isso só reafirma a superioridade que as mulheres sempre tiveram perante os homens nas águas abertas do Brasil em se tratando de resultados de provas da FINA.
Samuel de Bona surpreendeu e nadou forte a prova inteira e ficou com a 5ª colocação com o tempo de 53m34s9 e o Luiz Rogério arapiraca ficou na 30ª posição com 53m59s7.
O pódio dos 5k foi assim
Campeão Oussama Mellouli (TUN) 53m30s4
Vice campeão Eric Hedlin (CAN) 53m51s6
Terceiro Thomas Lurz Peter (GER) 53m32s2
Samuel de Bona
Luiz Rogério Arapiraca

Poliana Okimoto e Ana Marcela no pódio

Na madrugada deste sábado, 20/07, pelo horário brasileiro, Poliana Okimoto e Ana Marcela Cunha abriram em grande estilo o Mundial dos Esportes Aquáticos para o Brasil. Poli ganhou a prata e Ana o bronze na prova de 5 quilômetros de maratonas aquáticas. Esta é primeira vez na história em que o país leva duas medalhas no mesmo pódio. A prova contou com 45 competidoras.
A disputa foi emocionante desde a largada. A americana Haley Anderson (56m34s2), vencedora da disputa e prata olímpica em Londres/2012, abriu grande distância na primeira metade da prova. Poliana, comendo a distância aos poucos, assumiu a liderança na metade da disputa. No final, Haley conseguiu se recuperar e venceu na batida de mão. O tempo de Poliana (56m34s4) ficou a dois centésimos da americana.
Poliana falou, "Estou muito feliz porque passei um ano muito complicado depois que não completei a prova nos Jogos Olímpicos de Londres. Fiquei preocupada também porque passei mal há dois dias, com uma intoxicação alimentar. Tanto que estávamos avaliando se era melhor desistir desta prova para poupar para as outras, mas fui melhorando e decidimos enfrentar. Sinto que estou voltando a competir bem e me recuperando como atleta."
Ana Marcela, campeã dos 25 quilômetros do Mundial de Xangai 2011 tem dificuldades na prova mais curta. Ela se posicionou bem atrás do primeiro pelotão e terminou a primeira metade em 12º lugar. Com um poder de reação impressionante, surpreendeu a todos e arrancou o bronze.
Ana disse que, "Era a prova mais difícil que eu tinha na competição. Imaginava que seria a minha pior colocação porque não consigo imprimir um ritmo bom desde o início. Estou muito surpresa com a medalha. Quando vi a grega (Mariana Lymperta) crescendo do meu lado, aí é que bateu uma aflição maior, mas consegui e começar com uma medalhinha já foi muito bom. Em 2011 a primeira prova foi a de 10 quilômetros, onde fiquei longe da vaga olímpica por uma posição, depois fui crescendo na competição e terminei com o ouro nos 25 (quilômetros). Se agora comecei com o bronze, espero que até a última prova venham outros resultados melhores."
Histórico das brasileiras nos 5km dos mundiais da FINA
Em 2011, na cidade chinesa de Xangai, Ana Marcela foi 7º lugar e Poliana, 11º. No Mundial anterior, em Roma/2009, Poliana conquistou o bronze nesta prova.
Fonte: site CBDA
Chegada emocionante decidida no toque. Foto: site uol
Poliana ficou bastante emocionada com a conquista. Foto: site uol
Pódio da prova dos 5k . A campeã Haley Anderson (EUA), Poliana Okimoto (BRA) em segundo e Ana Marcela (BRA) em terceiro. Foto: site paranhananet
Primeira vez que duas brasileiras sobem no pódio numa mesma prova em mundias da FINA. Foto: site globo.com

Mundial de Esportes Aquáticos de Barcelona

O Presidente da FINA Dr. Julio Maglione e o Prefeito de Barcelona Xavier Trias anunciaram os números finais para a 15a edição do Campeonato Mundial dos Esportes Aquáticos:
181 países, novo recorde
2.293 atletas participantes
1.144 natação
231 saltos ornamentais
21 high diving
173 águas abertas
416 pólo aquático
308 nado sincronizado
A TVE, empresa espanhola, é quem vai gerar as imagens de transmissão para o mundo inteiro. Um total de 210 países ao redor do planeta vão assistir as imagens do Mundial. Expectativa de superação dos 3,5 bilhões de espectadores alcançados nos Mundiais de Roma em 2009 e Shanghai em 2011.
Fonte: Blog do Coach
Parque aquático Palau Sant Jordi em Barcelona-ESP. Foto site IG 
Início da cerimônia de abertura. Foto: Blog do Coach
Bandeiras dos países participantes com o presidente da FINA. Foto: site uol
Foto: site uol
Foto: site uol
Símbolo dos esportes aquáticos da FINA na abertura. Foto: site uol
Foto: site uol

sábado, 13 de julho de 2013

Treino do Clube Águas Abertas - 3.200m

A largada foi ao lado da estátua de Iracema no aterro da praia de Iracema

Sandra Geroldo mostra evolução na sua técnica

Getúlio Júnior passando pela Ponte Metálica

Renata Cattony nadando forte passando pela Ponte Metálica

Getúlio Júnior passando na frente onde em breve será o Acquário Ceará

Sandra Geroldo fazendo respiração frontal

O Mara Hope, návio espanhou naufragado em 6 de março de 1985 testemunhou Getúlio e Sandra "rasgando" o mar com braçadas formes. Sobre o naufrágio, em meio a um temporal, com maré alta, as amarras do Mara Hope se romperam e a embarcação derivou 1,6 km até encalhar em um banco de pedras nas proximidades da praia de Iracema,na frente do Marina Park Hotel e próximo ao lado do estaleiro INACE. Entretanto existe outra versão não confirmada, de que o rebocador que estava conduzindo o Mara Hope teve problemas e foi obrigado a soltar as amarras, deixando-o à deriva.

Sandra Geroldo mostra que alêm de uma mulher do "afasto" (corrida), de treinamento funcional e agora tambêm do mar, e completou os 3.200m

Getúlio Júnior mostrou raça e completou os 3.200m, mostrando que quem treina chega lá

O Prof. Clayton acompanhou de Stand Up Paddle e registrou tudo

Getúlio Júnior abriu um sorriso com a missão cumprida

Sandra Geroldo mostra que missão dada é missão cumprida

segunda-feira, 8 de julho de 2013

Rio São Francisco cediou pela primeira vez uma etapa do brasileiro



A quinta etapa do Campeonato Brasileiro de Maratonas Aquáticas agitou as águas do Rio São Francisco “o velho Chico”, no sábado, dia 06/07, entre as cidades de Juazeiro, na Bahia, e Petrolina, em Pernambuco. A Travessia Nacional de Juazeiro reuniu mais de 186 maratonistas.
A largada e a chegada da prova foi na ilha do Maroto, em um banco de areia no meio do rio, local que uma beleza exuberante, para chegar lá os atletas pegaram uma balsa da orla Juazeiro, local conhecido como saída das balsas para cidade de Petrolina. Os grandes vencedores da prova histórica foram, Victor Simões e Ana Marcela, confira abaixo o resultado dos campeões. Os atletas Allan do Carmo e Poliana Okimoto optaram em não participar da prova, devido aos treinamentos para o Mundial dos Esportes Aquáticos que será reaçlizado agora em julho em Barcelona-ESP.
Pódio Masculino. Foto/site Correio 24 horas
Pódio Feminino. Foto/site Correio 24 horas
As próximas etapas serão realizadas em Brasília, Belém e duas na Bahia.

Resultado da prova:
MASCULINO
1º Victor Simões(Unisanta-SP), 58m21
2º Fernando Ponte (Grêmio Náutico União-RS), 58m48s60,
3º Marcus Vinícius da Silva (Grêmio Náutico União-GNU-RS), 58m48s89
4º Lucas Cortini (SESI-SP)
5º Matheus Evangelista (
Grêmio Náutico União-GNU-RS)

FEMININO
1ª Ana Marcela Cunha (SESI-SP), 58:51
2ª Gabriela Ferreira (Grêmio Náutico União-RS), 1h01m11s45
3ª Mariana Souza (SESI-SP), 1h01m11s77
4ª Giovanna Marques (SESI-SP)
5ª Catarina Cucati (Unisanta-SP)

sexta-feira, 5 de julho de 2013

SUP Wave na pororoca

Uma equipe formada por oito supistas de vários estados brasileiros realizou uma inédita expedição "Auêra Auára de SUP",  na cidade de Arari, no Maranhão, com o objectivo de surfar a famosa Pororoca de Arari e também explorar os rios que banham a região, desenvolvendo um trabalho de mapamento de picos para a prática das duas modaliades mais comuns de stand up paddle, a remada e o surfe. 

A expedição foi cordenada pelo cearense Marcelo Bibita, um dos maiores especialistas em ondas de pororoca do Brasil, e conhecedor dos segredos das ondas do lugar e conta com apoio da Prefitura de Arari e da ABRASPO (Associação BRasileira de Surf na Pororoca).

Eles foram justamente ver o fenômeno conhecido como "Super Lua", que acontece quando a lua chega ao seu ponto mais próximo da Terra, teve início nodomingo, 23, os supistas encontraram boas ondas durante a expedição. Confira nas imagens abaixo.

Integrantes da Expedição Auêra Auára de SUP:

Marcelo Bibita (CE)

Luciano Meneghello (SP)

Gilvandro Junior (PA)

Vinicius Gomes (MA)

Fabiano Tissot (RS)

Flavio Ramalho (CE)

Roberto Vicentin (SC)

Geraldo Lemos (RJ)

Foto oficial dos integrantes da trip. Foto: Denis Sarmanho / Craud.net

Roberto Vincentin de Santa Catarina adorou a brincadeira. Expedição Auêra Auára de SUP

Dois supistas na mesma onda. Expedição Auêra Auára de SUP

Onda perfeita. Expedição Auêra Auára de SUP

Supista profissional de SUP Wave Fabiano Tissot (RS). Expedição Auêra Auára de SUP

Presidente da ASUP-CE Flávio Ramalho "Flavinho" se encantou com o fenômeno. Foto-Denis Sarmanho-Craud

Onda surgindo no horizonte. Foto: Denis Sarmanho / Craud.net

Verdadeiro playground. Foto: Denis Sarmanho / Craud.net
Olha o estrago que a pororoca deixa na margem do rio. Incrível...Foto: Denis Sarmanho / Craud.net
Fonte: site SupClub Brasil e blog Manobra Radical